Blog > SHANTALA PARA OS BEBÊS

” Nutrir a criança. Sim. Mas não só de leite. É preciso pegá-lo no colo. É preciso acariciá-la, embalá-la. E massageá-la. É preciso conversar com sua pele, falar com suas costas, que têm sede e fome, como sua barriga.   Frédérick Leboyer

 _DSC8255

Imagine só fazer um carinho todo especial no corpo do seu filhote, é esse contato gostoso que a Shantala promove.

 _DSC8280

A massagem é indiana e cada vez mais faz parte da rotina de cuidados de pais e bebês. A técnica é milenar e foi descoberta na década 70 pelo médico obstetra Frédérick Leboyer que numa viagem a Índia viu uma mulher massageando seu bebê, algo tão natural para ela, mas não para Leboyer que registrou esse momento de cumplicidade entre mãe e filho. Do encontro nasceu o livro e a jovem mãe recebeu uma homenagem, pois a técnica foi batizada com o seu nome, Shantala.

 _DSC8257

O conhecimento da técnica vem da massagem ayurvédica e yoga e da preocupação constante do indiano em promover saúde desde os primeiros meses de vida.

A massagem é encantadora reforça o vínculo afetivo através do toque carinhoso das mãos e transmite amor.

 _DSC8261

 

Porque fazer Shantala no seu Bebê

 

Para o bebê, principalmente nos primeiros meses ter esse contato de pele é fundamental, é uma necessidade física do bebê, de suprimento de afeto. É através desse carinho que o vínculo é consolidado, além de ajudar o pequeno a se adaptar a tantos estímulos.

 _DSC8276

O papai também pode participar da Shantala e para o bebê é maravilhoso ter esse contato com os dois. O contato com o corpo da mãe ou do pai durante a massagem, escutar a voz, ver o rosto dos pais tranquilos, o óleo usado na massagem, funcionam como um calmante natural para o bebê.

 _DSC8271

Logo nos primeiros dias os benefícios aparecem, o bebê dorme melhor, o corpo fica mais relaxado e até as famosas cólicas costumam amenizar.

 _DSC8258

A Shantala ainda estimula o corpo do bebê a trabalhar em harmonia, melhorando a produção de anticorpos e ampliando a respiração. O pequeno descobrirá melhor o seu corpo e passará por todas as fases motoras (rolar, sentar, engatinhar e andar) com mais naturalidade.

 _DSC8285

Voltando a trabalhar

 

Aplicar Shantala na volta ao trabalho é essencial, para a mãe não há melhor momento do que estar com o pequeno e à hora da massagem é uma forma de sair da rotina e criar momentos de prazer com o bebê. Além de ajudar a conhecer a linguagem corporal do bebê e assim a mãe identificará melhor qualquer situação diferente no dia-a-dia. Antes do chorinho do bebê, ele se comunica com o corpo, a sua linguagem primordial, e a massagem é uma forma de aprendermos a ler e interpretar o que o pequeno está querendo dizer. À medida que os pais compreendem essa comunicação o dia a dia será mais tranqüilo.

 _DSC8274   _DSC8272

Como fazer?

Shantala é simples, mas deve ser aprendida com profundidade, assim a família sentirá logo todos os benefícios. Em geral, a massagem dura em torno de 20 minutos e partir do primeiro mes de vida o pequeno já poderá receber Shantala e não há restrições em iniciar com bebês e crianças maiores.

 _DSC8259

É através do toque das mãos das mães que o bebê conhecerá o mundo, e não há momento melhor que a Shantala.Por isso, sinta-se estimulada (o) a aprender a técnica que deixa você e o seu filhote mais próximos!

_DSC8269

No mês de setembro em nosso estúdio estaremos trazendo uma Doula, para ministrar o curso de Shantala e Ofurô (banho de balde) para as mamães que queiram aprender um pouco mais destas técnicas e assim poderem desfrutar melhor seu tempo com o bebê. Vamos também falar sobre os óleos a serem utilizados, melhor momento para a massagem, o banho e também formas de acalentar nosso bebê com o uso de wrap sling (pano para carregar bebê). Você que está interessada em aprender, entre em contato conosco.

Aproveite e Veja a matéria que saiu no lançamento do Programa Papo de Divas sobre  Shantala e Ofurô:

 

texto: www.pediatriaemfoco.com.br

(51) 3472.1393